De Algum Lugar

São João em Portugal

Sao Joao Portugal
Alma Baiana
Escrito por Alma Baiana

É tempo de Santos Populares em Portugal! Por aqui os mais festejados são o Santo Antônio em Lisboa e o São João no Porto. Como padroeiros destas cidades têm um mês todinho de comemorações.

Em Lisboa os bairros competem pelo título de mais animados e a festa extrapola os limites das igrejas e toma conta das ruas. O típico são as sardinhadas (sardinhas assadas na brasa na hora), as febras (bifes de porco grelhados) no pão, os tremoços e muita cerveja, afinal já temos algum calor e a agitação também encarrega-se de esquentar o clima!

A música fica por conta das marchas que se apresentam por todo lado exaltando o santo casamenteiro e suas tradições.Uma curiosidade desta altura são as chamadas Noivas de Santo António (sim, com acento agudo mesmo, como é escrito este nome por aqui). São as inúmeras noivas que se casam neste período numa cerimônia coletiva.

Noivas de Sto antonio em Lisboa

As Noivas de Santo Antônio em Lisboa

 Também tem presença garantida nesta festa o Manjerico, planta aromática que dá nesta época do ano e que, segundo a lenda, morre ao ser cheirada por alguém com o nariz. Para sentir o seu cheiro tão agradável é preciso passar a mão na planta e depois cheirar a mão impregnada do delicioso aroma. Pelas ruas de Lisboa não é difícil encontrar pessoas fantasiadas de Manjerico, com chapéus alusivos à planta entre outras graças bem divertidas.

Manjerico

Vasinhos de Manjerico à venda por toda Lisboa.

 Já no Porto o São João é igualmente uma festa grandiosa com programação intensa durante todo o mês. Há peças de teatro, consertos de música clássica e popular e eventos por toda a cidade. O ponto alto das comemorações se dá a 24/06, dia de São João, quando a cidade ferve de turistas e de atrações gratuitas para todas as idades. As marchas apresentam-se pelas ruas e o cheiro das sardinhas na brasa invadem o ar, anunciando que é mesmo Dia de São João no Porto!

Marcha de Santo ANtonio

Marcha de Santo Antônio em Lisboa.

À meia-noite, na Ribeira, o público assiste a uma queima de fogos de uns 15 minutos lançados de uma barca no Rio Douro e pode apreciar um dos mais belos espetáculos que já vi: o céu coalhado de pequenos balões que sobem até sumirem na escuridão. Sim, balões de verdade! Aqui não são proibidos como no Brasil e as pessoas trazem os seus de casa e soltam praticamente todas juntas oferecendo aos observadores uma visão verdadeiramente inesquecível.

Balões no ceu de porto

Balões no céu de Porto: um espetáculo para nunca mais esquecer.

O São João no Porto é uma festa bela e alegre. Há uma tradição curiosa que é dar (e levar) marteladas nas cabeças com martelinhos de plástico, que são vendidos durante todo o período de comemorações por ambulantes e mesmo em lojinhas e supermercados. E garanto: não é brincadeira só de criança não! Todos divertem-se e os carecas levam mesmo a pior!

marteladas e galhos em porto

Os tradicionais martelos e os galhos de alho poró.

Outra curiosidade fica por conta dos galhos de alho poró que também são vendidos nas ruas e igualmente servem para dar cacetadas brincalhonas nas cabeças das pessoas. Diz a tradição que é uma maneira de purificar e proteger a pessoa, mas garanto que é bem mais desagradável que uma martelada, pois o alho poró fede muito e deixa um péssimo cheiro impregnado nos cabelos. Mas é por uma boa causa: a alegria do São João, e por isso ninguém se aborrece e entra sem reservas na brincadeira. Vemos até os mais sisudos e reservados portugueses entrarem no clima que é mesmo contagiante. Com o verão já instalado e os dias longos com o pôr-do-sol a acontecer depois das 9h da noite, não é difícil de encontrar nos quatro cantos da cidade pessoas felizes e bem humorados, com roupas coloridas e sorriso fácil no rosto.

Pena só é que não há a relação direta da festa com as músicas e danças, como temos o forró e a quadrilha. Essa parte fica por conta das marchas que desfilam (e marcham, literalmente) enquanto o público apenas assiste.

Para mim, uma baiana da gema, é difícil falar de uma festa de São João que não seja na minha terra ou no Nordeste brasileiro, onde a tradição é grande e os festejos vão sempre até o raiar do dia. Mas posso garantir que vale à pena visitar o Porto nesta altura e experimentar uma forma diferente de saudar o santo festeiro.

Viva São João!

 

Vaneska

Vaneska Cardoso é Publicitária, Mestre em Administração de Empresas e Consultora de Marketing e Eventos em Portugal. yaah.consultoria@gmail.com

Sobre o Autor

Alma Baiana

Alma Baiana

O acontece de interessante na Bahia, cultura, sociedade, arquitetura, decoração, gastronomia, moda e entretenimento. E muito mais!!

Faça um comentário