Agenda

Symona Gropper e Emília Nunez no Domingo Cultural

Entrevista com Symona Gropper, jornalista e escritora, que fala do seu último livro, uma autobiografia.
Foto: Adilton Venegeroles / Ag. A Tarde
Data: 24/03/2017

Local da foto: residência da escritora, Caminho das Árvores, Salvador.
Alma Baiana
Escrito por Alma Baiana

Crédito/foto: Adilton Venegeroles

A magia e o saber dos livros é um convite para atrair crianças e adultos na segunda edição do Domingo Cultural, promovido pelo movimento Viva o Carmo, aqui a cultura é sagrada!, no Convento do Carmo, dia 9 de julho. Desta vez, a literatura fica a cargo de duas meninas: “a que foi vento” e “a da cabeça quadrada”. Curiosas e interessantes, as histórias prometem despertar a atenção de adultos e crianças aficionados pela leitura.

 Como parte da programação do evento, a autora baiana Emília Nuñez, criadora do blog Mãe que Lê – com mais de 48 mil seguidores em sua conta no Instagram (@maequele) –, conduzirá um bate-papo com direito a contação de história do livro infantil A Menina da Cabeça Quadrada, que fala de uma criança que de tanto usar tablet, celular e televisão acordou com a cabeça quadrada. O encontro será às 11h, na Sala do Conselho, onde o livro estará à venda pelo valor de R$ 35.

 Quem também marcará presença no Domingo Cultural é a jornalista Symona Gropper (foto), que participará da roda de conversa sobre seu mais novo livro, A Menina que foi Vento – Memórias de Uma Imigrante, publicado no início deste ano. O livro conta a trajetória da autora, judia romena que fugiu de Bucareste com a família aos 5 anos de idade, quando o comunismo tomou os países de Leste Europeu, rumo ao recém-criado Estado de Israel, até a chegada no Rio de Janeiro no início dos anos 60. O bate-papo será na Sala dos Freis, às 15h. O livro poderá ser adquirido ao preço de R$ 40.

Sobre o Autor

Alma Baiana

Alma Baiana

O acontece de interessante na Bahia, cultura, sociedade, arquitetura, decoração, gastronomia, moda e entretenimento. E muito mais!!

Faça um comentário