Alma News

A mestra indiana Kusum Modak e seu método único

Alma Baiana
Escrito por Alma Baiana

Mestra indiana, muito querida pela comunidade internacional, no dia 28 deste mês ela faz 83 anos. O seu nome? Kusum Modak, criadora do Método Kusum Modak, que hoje leva o seu nome, mas que no passado chamava-se Yoga Massagem Ayurvédica, uma mescla da tradicional e milenar ciência do yoga e o ayurveda. De uma forma sábia e muito intuitiva, a mestra Kusum Modak alinhou as duas ciências ancestrais em um único método.

Alinhando a coluna vertebral e nosso corpo/mente, junto com o conhecimento do ayurveda sobre a importância do Prana, e da conscientização da respiração para revitalização da nossa energia vital, ela criou uma ferramenta de trabalho corporal única, um trabalho terapêutico, que utiliza uma massagem profunda, com uso de óleo, pó medicinal, alongamentos e consciência respiratória, enquanto o corpo vai se abrindo, pétala por pétala, como ela mesma menciona, sobre esse trabalho maravilhoso de terapia corporal, unindo massagem a manobras assistidas do yoga.

Relata a terapeuta Regina Puja Kinzer, sua discípula aqui em Salvador: “Ela é uma guerreira. Num país como a Índia, sobreviver como massoterapeuta, trabalhando diariamente com pessoas de diversos locais do mundo, que vinham e vêm receber o toque milagroso dessa grandiosa mestra, receber seus conhecimentos. Ser treinada por ela, foi uma dádiva que recebi nos anos 90. Tive a honra de ser treinada por ela, aprendendo essa técnica em 2001. Desde então, sou praticante e ensinei na Turquia, Espanha, Portugal e aqui no Brasil a famosa técnica criada pela mestra Kusum”.

Hoje existe um instituto que leva o seu nome e que recebe praticantes de todo o mundo como sócios, preza pelo legado deixado pela mestra na sua autenticidade, e treina professores e alunos no famoso método de terapia corporal. Recentemente, ela foi homenageada na Índia pelo Dia Internacional da Mulher, no Modak Institute.

Mais informações: www.modakinstitute.org

*Colaboração de Duda Tawil

Foto: Kusum recebendo uma homenagem no Dia Internacional da Mulher (Puja Kinzer/Divulgação)

Sobre o Autor

Alma Baiana

Alma Baiana

O que acontece de interessante na Bahia: cultura, sociedade, arquitetura, decoração, gastronomia, moda, entretenimento e muito mais!

Faça um comentário