Coluna de July

Barra Mulher revelou premiadas em noite de festa

Alma Baiana
Escrito por Alma Baiana

A abertura da cerimônia foi uma ode à força e à sensibilidade da alma feminina. Com apresentação de três dançarinas do Balé Folclórico da Bahia – entre elas a primeira bailarina, Nildinha Fonseca; o Shopping Barra iniciou o Barra Mulher, maior evento dedicado ao público feminino na Bahia, na noite desta quarta-feira (11). A cantora Ju Moraes, mestre de cerimônia do evento, revelou os nomes das 9 mulheres que se destacaram em diversas áreas da sociedade baiana. A idealizadora do projeto Aqualuz, Anna Luísa Beserra; a educadora social Bárbara Trindade; a escritora e professora Evelina Hoisel; a gerontóloga e coordenadora da Faculdade Livre da Maturidade, Graça Senna; as jornalistas Jéssica Senra Linda Bezerra; a promotora de Justiça da Bahia Lívia Sant’Anna Vaz; a fundadora do projeto Livres Livros, Raíssa Martins; e a líder religiosa Ìyá Márcia de Ogum foram as mulheres premiadas. Apostando mais uma vez nos talentos emergentes, entre as premiações aconteceram intervenções artísticas com a participação do mezo soprano do coro juvenil da Neojibá, Felipe Reis, a cantora Illy e o pianista Bruno Nunesmaia.

“Queremos homenagear também uma mulher de aparência frágil e que mostrou tanta força ao dedicar a sua vida a pessoas excluídas pela sociedade. Nossa Santa Dulce dos Pobres não poderia deixar de ser lembrada, nosso exemplo de conduta e personalidade”, afirmou Karina Brito, gerente de Marketing do Barra. A principal proposta do Barra Mulher é valorizar o papel feminino, reconhecendo os talentos que espalham felicidade, profissionalismo, competência e dedicação nos seus mais variados segmentos. O corpo de jurados é composto por formadores de opinião, entre jornalistas, artistas, profissionais liberais renomados, entre outros. O Barra Mulher já premiou mais de cem mulheres de diversos setores da sociedade, como as cantoras Ivete Sangalo, Daniela Mercury e Margareth Menezes, as escritoras Mabel Veloso e Myriam Fraga, a historiadora Consuelo Pondé, a líder religiosa Mãe Stella de Oxóssi, a designer Goya Lopes, entre muitas outras. Pelo segundo ano consecutivo, o público também pôde participar ativamente das indicações, pela internet, elegendo nomes de mulheres com grande relevância na Bahia para concorrer à premiação. Nesta edição, a eleita pelo voto popular foi a líder religiosa Ìyá Márcia de Ogum. Confira o perfil de todas as premiadas 2020!

Sobre o Autor

Alma Baiana

Alma Baiana

O que acontece de interessante na Bahia: cultura, sociedade, arquitetura, decoração, gastronomia, moda, entretenimento e muito mais!

Faça um comentário