Alma News

Exposição virtual apresenta peças produzidas pela designer Andrea Barbosa

Alma Baiana
Escrito por Alma Baiana

Jóias ao Sagrado – Ferramentas e adereços de orixás é uma exposição fotográfica on-line com peças produzidas pela designer Andrea Barbosa, que será lançada no instagram e youtube da artista no próximo dia 4 de março. Nela, serão apresentadas ferramentas de diferentes orixás, com descrição de cada adereço nas religiões de matizes africanas, sendo exposto o nome, um pouco da história do orixá.

Confeccionadas em prata e pedras naturais, as jóias valorizam o culto aos deuses africanos e, com isso, deixam presente a exaltação ao sagrado. Ao todo serão mais de 40 peças com os instrumentos de orixás como Exu, Ogum, Oxóssi, Omolu, Xangô, Logun Edé, Iansã, Oxum, Iemanjá, Nanã e Oxalá. Também acontecerá um desfile com três modelos com as peças apresentadas.

Para a exposição virtual “Joias ao Sagrado – Ferramentas e adereços de orixás” a artista Andrea Barbosa, apresentará peças já criadas por elas e obras inéditas, todas fundamentadas em uma pesquisa feita pela pioneira em joias sagradas na Bahia. Filha de José Barbosa, ourives consagrado em Salvador, e profunda curiosa sobre o tema, a artista apresentará todo seu conhecimento obtido por anos de pesquisa sobre o assunto.

Este projeto pretende enaltecer as religiões de matrizes africanas apresentando toda a beleza das jóias e adereços dos orixás. É uma exposição que dá coletividade e representatividade a um culto que ainda segue lutando por reconhecimento e sofrendo preconceito. Também será um documento de pesquisa para curiosos e estudiosos sobre o assunto com a experiência de uma designer que já atua no segmento de jóias indenitárias há mais de 25 anos.

“Tudo que eu sei vou colocar de informação na exposição “Joias ao Sagrado – Ferramentas e adereços de orixás”. Quero enaltecer as religiões de matrizes africanas em um período que estas vêm sofrendo com o distanciamento. Precisamos estar conectados à nossa fé”, diz a artista. O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia por meio da Secretaria de Cultura e do Centro de Culturas Populares e Identitárias (Programa Aldir Blanc Bahia) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal. 

Instagramhttps://www.instagram.com/andreabarbosajoias/?igshid=1fgxcvqrmszzu
Horário: 20 horas

Foto: Mauricia Matta

Sobre o Autor

Alma Baiana

Alma Baiana

O que acontece de interessante na Bahia: cultura, sociedade, arquitetura, decoração, gastronomia, moda, entretenimento e muito mais!

Faça um comentário