Turistando

Museu Nacional Jean-Jacques Henner e a Alsácia “perdida”

Alma Baiana
Escrito por Alma Baiana

Região situada no extremo leste da França, fronteiriça com a Alemanha, está a Alsácia. O Musée National Jean-Jacques Henner, em Paris, apresenta a exposição “Alsace: sonhar a província perdida 1871-1914”, até 7 de fevereiro de 2022, em parceria com o Museu Alsaciano de Estrasburgo.

O objetivo é destacar a imagem da Alsácia como uma província “perdida”, depois da guerra franco-prussiana de 1870, há 150 anos. Nela, a França perdeu uma parte do território nacional. Ela está sobretudo baseada no expressivo número de obras do pintor romântico  J-J. Henner (1829-1905), mas também em esculturas, objetos de arte e do dia a dia, desenhos, cartazes e estampas, que ilustram e explicam melhor este duro período da história francesa, indo até o início da Primeira Guerra Mundial, em 1914.

É diretora do museu Marie-Cécile Forest, e as curadoras da mostra são Maeva Abillard e Marie Pottecher, assistidas por Candice Rumderkamp-Dollé e Marie Vancostenoble. A museografia é de Hubert Le Gall, assistido por Nina Lejeune, e grafismo de Ursula Held.

Foto (de Gérard Blot/RMN-Grand Palais) que ilustra esta matéria: óleo sobre tela de J-J. Henner, de 1869, “Eugénie Henner de alsaciana segurando uma cesta de maçãs”.

Mais informações: www.musee-henner.fr

  • Por Duda Tawil, correspondente do Alma Baiana na França

Sobre o Autor

Alma Baiana

Alma Baiana

O que acontece de interessante na Bahia: cultura, sociedade, arquitetura, decoração, gastronomia, moda, entretenimento e muito mais!

Faça um comentário