Alma de Baiano

PSICOTERAPIA E AS DORES DA ALMA por Iarodi D. Bezerra

Alma Baiana
Escrito por Alma Baiana

A alma é conceituada como a essência vital do ser humano. Deriva do latim animu (o que anima). Considerada a sede das emoções, pensamentos, sentimentos e valores, atribui características singulares a alguém ou coisa, como por exemplo “alma baiana”. Por meio das várias áreas do conhecimento humano, a importância na existência do homem ganha notoriedade. Na religião, encontra-se no livro de Gênesis no momento em que Deus cria o homem. Na Filosofia Grega, através do livro “República” de Platão e, na Psicologia, onde o próprio significado do nome faz referência, do grego Psychè (alma) e Logos( tratado, ciência).

Ao longo do tempo, a alma tem sido estudada por psicólogos mas, por meio de Freud e Jung, ela foi analisada em sua dinâmica com o mundo externo e os impactos em toda estrutura física do indivíduo causados por esta interação, surgindo assim as “dores da alma” ou “doenças psicossomáticas”, como transtornos de ansiedade, de humor severos entre outras patologias que afetam desde crianças até adultos. Atualmente, tais dores vem transformando pessoas cheias de potenciais em verdadeiros “vazios ambulantes”.

A psicoterapia se torna aliada no combate a estes inimigos invisíveis, mas altamente destrutivos. Importante salientar o espaço terapêutico como lugar seguro, bem como a figura do terapeuta que, por meio de atitudes como aceitação incondicional, congruência e compreensão empática, facilita a liberdade do cliente/paciente de serem quem são. A relação terapêutica é, em sua totalidade, a ferramenta mais potencializadora. Como Jung afirma, deve-se conhecer a teoria e dominar as técnicas mas, quando encontrar uma alma humana, o terapeuta deve dar vazão à sua própria alma para que, a partir deste encontro, haja a tão esperada cura da alma do cliente.

Iarodi D. Bezerra
Psicoterapeuta infanto-juvenil e adultos.
Facilitador de grupo de perdão
@iarodibezerra
@meperdoe_teperdoo

Sobre o Autor

Alma Baiana

Alma Baiana

O que acontece de interessante na Bahia: cultura, sociedade, arquitetura, decoração, gastronomia, moda, entretenimento e muito mais!

15 Comentários

Faça um comentário